Informações Médicas

Ao nascimento na suspeita clínica:

Avaliação cardiológica:

  • Eletrocardiograma ECG;
  • Raio-X de tórax com todos os arcos costais, frente e perfil;
  • Ecodopplercardiografia bidimensional colorida.

Defeitos cardíacos constituem, dentre as malformações congênitas, os achados mais freqüentes na SD. Logo ao nascer, é imprescindível que se realize o ecodopplercardiograma independentemente de haver ou não suspeita de cardiopatia pelo exame clínico, pois em 50% dos casos que apresentam cardiopatias congênitas o exame clínico nada detecta.

Avaliação oftalmológica:

  • Exame de fundo de olho;
  • Afastar hipótese de catarata e glaucoma.

É imprescindível um exame oftalmológico logo após o nascimento, visando diagnosticar a presença de cataratas congênitas que devem ser removidas cirurgicamente o mais rápido possível e/ou outros problemas (como, por exemplo, a obstrução dos canais lacrimais). Obs: Evitar colírio de derivado atropínico.

Avaliação otorrinolaringológica e audiológica:

  • Otoscopia (para avaliação do conduto auditivo);
  • OEA (Otoemissões acústicas);
  • BERA (Audiometria de tronco cerebral);
  • Imitanciometria (timpanometria ou impedanciometria).

É necessário realizar, logo ao nascimento, cuidadosa avaliação auditiva (BERA - audiometria de tronco cerebral, além de OEA - Otoemissões Acústicas), devido a possíveis anomalias e disfunções que podem comprometer os ouvidos médio e interno. O monitoramento da audição é um dos principais fatores de garantia de uma linguagem mais funcional e discute-se a possibilidade de que o uso de hormônios para o crescimento possa ampliar a estrutura do ouvido garantindo um melhor escoamento e maturação dessa estrutura.

Avaliação de distúrbios do sono

A apnéia obstrutiva de sono pode ser também uma das patologias presentes na SD. É defendida a necessidade de avaliação continuada das interrupções do sono e da oxigenação cerebral durante as crises em crianças de 3 a 4 anos com SD para tentar diminuir as possíveis conseqüências dessa patologia para o desenvolvimento cognitivo, desempenho escolar, taxa de crescimento e alterações comportamentais como hiperatividade ou desatenção.

Ultrassom de abdômen global.

Ultrassom de articulação coxofemural.

Ultrassom de sistema nervoso central (encéfalo).

(Alterado do protocolo clínico de seguimento médico em síndrome de Down – Autoria: Dr. Zan Mustacchi)

Voltar